Cardápio para Introdução Alimentar

Pratinho-bebê-6-meses

A Introdução Alimentar é um momento marcante na vida do bebê que deve ser iniciada aos seis meses de idade, desde que o bebê esteja apresentando os sinais de prontidão.

É muito comum que nos primeiros dias o bebê não se sinta saciado apenas com a comidinha e peça para mamar logo em seguida. Se isso acontecer com o seu bebê fique tranquila!

Lembre-se que, até 1 ano de idade, a base da alimentação do bebê deve ser o leite materno ou a fórmula infantil. No entanto, com o decorrer do tempo, eles diminuem a quantidade de leite naturalmente.

Cardápio para o primeiro mês da Introdução Alimentar

O primeiro mês de Introdução Alimentar é um processo de adaptação tanto para o bebê quanto para a família, por isso, o planejamento e a organização são fundamentais.

A montagem do pratinho do bebê pode ser feita de acordo com os hábitos alimentares da família, desde que seja saudável (confira os Alimentos proibidos para bebês), facilitando assim a rotina e evitando o desperdício.

Os alimentos podem ser oferecidos separados, amassados ou em pedaços para que o bebê já possa ir se acostumando aos diferentes aromas, texturas e sabores.

A papa principal deve ser organizada por grupos alimentares, contendo uma proteína, um legume, um alimento energético, uma verdura e uma leguminosa seca.

Sugestão de cardápio semanal:

 SegundaTerçaQuartaQuintaSextaSábadoDomingo
Lanche da manhãBananaMaçãPeraLaranjaMexericaMamãoMelão
AlmoçoFrango, cenoura, batata doce, espinafre e feijão  Peixe, beterraba, mandioquinha, couve e lentilha  Carne moída, abobrinha, batata, agrião e grão de bico  Ovo, abóbora, macarrão, acelga e feijão  Lombo suíno, chuchu, mandioca, espinafre e ervilha  Músculo, brócolis, cará, escarola e feijão  Peixe, beterraba, inhame, salsa e lentilha  
Lanche da tardeMelanciaMamãoMangaMelãoAbacateBananaLaranja
Bebê Comendo Bem

Além disso, um cardápio bem equilibrado auxilia para que a família ofereça maior variedade de alimentos ao bebê.

Para o café da manhã recomenda-se a amamentação ou a fórmula, para o lanche da manhã e da tarde uma fruta cortada em pedacinhos, raspada ou amassada. Já para o almoço um prato mais completo como os citados no exemplo de cardápio acima.

Rotina alimentar do bebê

A maioria das pessoas precisa de uma rotina para que seu organismo funcione bem, e com os bebês não é diferente.

O estabelecimento de uma rotina resulta em mais segurança e estabilidade durante a Introdução Alimentar.

Sendo assim, é recomendado que o bebê se adapte a rotina da família, e não o oposto.

Para isso, o ideal é que os intervalos entre as refeições sejam entre 2 e 3 horas, com a primeira devendo ocorrer logo no início da manhã.

Com horários bem estabelecidos, o bebê tende a se adaptar mais facilmente a Introdução Alimentar. No entanto, vale ressaltar que para o bebê é uma grande mudança, o que requer tempo e paciência.

Se o seu bebê está na fase de Introdução Alimentar, conheça o Curso Bebê Comendo Bem, elaborado pela Nutricionista Especialista em Introdução Alimentar Paula Stancari.

Nele você encontrará conteúdos completos e atualizados incluindo cardápios para o bebê e para a família, além de poder tirar todas as suas dúvidas com a Nutricionista Materno Infantil Paula Stancari.

Ficou com alguma dúvida?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Leia Mais

Consultório Anália Franco

Av. Regente Feijó, 944 – 7º andar - Anália Franco – São Paulo

Consultório Vila Clementino

R. Dr. Diogo de Faria, 892 - Vila Clementino - São Paulo

Paula Stancari © Copyright 2021. Todos os direitos reservados