Como emagrecer no puerpério

como emagrecer no puerpério

Durante o período de puerpério, principalmente no primeiro mês, a rotina da família é totalmente alterada.

Entre tantas mudanças, conseguir um tempinho para cozinhar se torna uma tarefa quase impossível, principalmente se a lactante não tiver alguém para lhe ajudar, tornando difícil seguir uma rotina saudável de alimentação para sua dieta pós-parto.

Com isso, a sua alimentação poderá ficar comprometida e, consequentemente, interferir no leite do bebê, uma vez que o leite materno é aromatizado com o sabor dos alimentos que a mãe come.

Vale lembrar que a alimentação da lactante é muito importante, pois possibilita ao bebê já ir se acostumando com os sabores e formando o seu paladar, contribuindo para uma melhor aceitação na Introdução Alimentar.

Além disso, a mãe precisa aproveitar para dormir e descansar durante as sonecas do seu bebê, o que irá favorecer bastante uma boa produção de leite materno.

Sendo assim, manter uma boa alimentação pós parto e emagrecer pode ser um desafio, principalmente se a lactante não puder contar a ajuda de alguém ou se não fizer uma organização prévia na gestação.

Mas então, como se alimentar de maneira saudável no pós-parto?

Uma dica muito importante e que poderá ajudar bastante na alimentação pós-parto é: se organize antes da chegada o bebê.

Por exemplo, por volta do oitavo mês de gestação:

  • Leve o seu marido ao supermercado e mostre a ele os alimentos e as marcas de sua preferência;
  • Faça também uma lista com as frutas, verduras, legumes e demais alimentos frescos que você deseja ter sempre em casa;
  • Prepare alimentos saudáveis e congele-os em porções individuais;
  • Abasteça o seu freezer com vegetais congelados, pois serão bem práticos no dia a dia, tornando muito mais rápido o preparo da sua refeição durante o período de amamentação;
  • Procure na sua região opções de delivery que forneçam marmitas saudáveis com temperos naturais;
  • Tenha no freezer polpas de frutas e comidas saudáveis congeladas para comer na hora da emergência;
  • Evite ter em casa guloseimas como sorvetes, biscoitos recheados, macarrão instantâneo, etc.;
  • Não faça buscas na internet por doces e guloseimas, pois quando você menos esperar poderá aparecer imagens de dar água na boca, estimulando a sua vontade.

Amamentar emagrece?

amamentar emagrece

Durante a gestação, o corpo da gestante faz um pequeno estoque de gordura, já considerando que no período de amamentação terá um gasto extra devido a produção de leite.

Isso se deve ao fato de que amamentar gasta muita energia, variando de acordo com a produção de leite materno.

A maioria das lactantes gastam em média 500 calorias por dia.

Ou seja, amamentar contribui para a perda de peso da lactante, além de vários outros benefícios que eu escrevi no artigo Benefícios da Amamentação.

Mas atenção: para que a lactante esteja fortalecida nesse período é necessário que esteja bem nutrida.

Quantos kg é normal perder no puerpério?

A quantidade de peso que uma lactante pode perder durante o primeiro mês de puerpério vai depender da quantidade de peso que ela ganhou durante a gestação.

Com a retirada do bebê e da placenta, o inchaço e o volume sanguíneo ficam bem menores, consequentemente o peso também irá cair bastante.

Após os primeiros 30 dias, caso a lactante tenha tido um ganho de peso adequado durante a gestação, poderá eliminar entre 500 g até 1 kg por mês até o sexto mês pós parto sem prejudicar a amamentação.

Porém, caso a lactante tenha tido sobrepeso ou obesidade na gestação, essa perda poderá ser de até 2 kg por mês.

Existem alimentos que podem ajudar a lactante a emagrecer?

Essa é uma das principais perguntas durante os meus atendimentos de lactantes.

alimentos que ajudam a lactante emagrecer

Um ponto importante a se observar, é que nesse período de amamentação dietas radicais podem atrapalhar a produção de leite e consequentemente diminuir o gasto energético.

Durante a amamentação não é recomendado o uso de medicamentos para emagrecer ou de alimentos potencialmente termogênicos para promover a perda de peso.

Essas substâncias possuem diversos estimulantes, como por exemplo, a cafeína.

O consumo dessas substâncias pela lactante fará com que o bebê também tenha contato com elas por meio do leite materno, deixando o bebê mais agitado.

O recomendado para a lactante que deseja emagrecer é manter uma alimentação balanceada e consumir pelo menos 3 litros de água por dia.

Para promover o adequado aleitamento materno mantenha o consumo adequado de proteínas, pois durante o período de lactação o aporte proteico aumenta bastante.

Com isso, caso a lactante não consuma proteínas de forma adequada, consequentemente terá redução de massa muscular, fazendo com que seu metabolismo trabalhe mais lentamente.

Se você deseja perder peso de maneira saudável durante o puerpério, o ideal é consultar um Nutricionista Materno Infantil.

Nutricionista materno infantil On-line

Gostou do conteúdo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paula Stancari

Paula Stancari

Nutricionista Materno Infantil Especialista em Fertilidade, Lactantes, Gestantes, Bebês, Crianças, Adolescentes e Introdução Alimentar

Receba as novidades

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn