Açúcar: por que não oferecer aos bebês?

bebê-comendo-chocolate

Frequentemente vejo muitos pais introduzindo o açúcar na alimentação dos bebês, alguns devido a propagandas sedutoras que sugerem alguns  “alimentos infantis”, outros por modismos, como o ensaio fotográfico “Smash the cake”.

Além disso, muitos adultos pensam que se um bebê está olhando para um determinado alimento é porquê ele quer comer e não pode ficar com vontade, aí vem aquela fala clássica: “é só um pedacinho”.

A necessidade de comer alimentos doces é do ADULTO

A criança se adapta aos alimentos que são apresentados a ela.

Além disso, a quantidade ingerida por um adulto é excessiva, se comparado ao porte de uma criança.

O fato é, quanto mais tempo adiar o contato da criança com açúcar melhor!

O açúcar é caloria vazia, ou seja, apenas engorda e não tem fator nutricional. Com isso, o bebê pode acabar tendo sobrepeso. 

Além disso, o açúcar é uma substância viciante, o que faz com que a criança prefira doces à alimentos mais saudáveis. 

Por que não oferecer açúcar ao bebê?

Ao inibir a ingestão de açúcar, trazemos diversos benefícios à saúde da criança, como por exemplo:

  • Aumenta a facilidade para experimentar outros alimentos;
  • Melhora a saúde da microbiota intestinal (que também está envolvida no aumento da imunidade);
  • Diminui os riscos de obesidade infantil;
  • Previne doenças crônicas (como; diabetes, pressão alta e colesterol);
  • Previne o surgimento de cáries dentárias.

Quais alimentos contém açúcar?

Além do açúcar utilizado em casa, é necessário tomar cuidado com alimentos industrializados que contenham açúcar na sua composição, como por exemplo: 

  • Bebidas artificiais; 
  • Sucos;
  • Balas;
  • Biscoito e pães.

Lembre-se: as crianças aprendem observando os adultos

Os pais têm muita influência na educação alimentar dos seus filhos, que começa desde muito cedo.

Por isso, além de serem referências para os seus filhos, também serão responsáveis por moldar a alimentação e a saúde da criança ao longo da vida.

Viu como é importante não oferecer açúcar à bebês?

Se tiver alguma dúvida sobre quais alimentos podem ser oferecidos aos bebês, procure um Nutricionista Materno Infantil.

Gostou do conteúdo?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paula Stancari

Paula Stancari

Nutricionista Especialista em Nutrição Materno Infantil e em Saúde da Família, tutora de Aleitamento Materno pelo Ministério da Saúde e mestranda pela UNIFESP

Perfil

Receba as novidades

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn